Espanhol Português Inglês
Novidade - Cotação Online
GUIA ONLINE
DE FORNECEDORES
Fabricantes Distribuidores Empresas
Busca Geral
Participe agora mesmo
CADASTRE-SE AGORA MESMO!


Voltar

.A alimentação realmente afeta a fertilidade?

A fertilidade, tanto feminina quanto masculina, pode ser afetada por vários motivos. A nutrição e o estilo de vida também são fatores que podem influenciar positivamente ou não a saúde reprodutiva de uma pessoa.

A obesidade e sobrepeso são prejudiciais, mas não são os únicos vilões. O baixo peso também pode dificultar o processo de engravidar e tornar a gestação mais complicada. Em um estudo realizado com mulheres obesas que sofriam de problemas de fertilidade, logo após a perda de peso por meio de mudanças no estilo de vida, a função menstrual obteve uma melhora de 80% e a taxa de gravidez subiu para 29%. Esses números comprovam como a nutrição está associada ao sonho de ter filhos.

O uso elevado de bebidas alcoólicas e de tabaco, o sedentarismo e os famosos hábitos alimentares inadequados como o consumo de produtos industrializados, influenciam o estado nutricional de uma pessoa. Acometendo, consequentemente, a diminuição da fertilidade.

Isso tudo acontece porque, com alimentação e hábitos saudáveis, o sistema endócrino atinge maior equilíbrio, o que melhora não só a função reprodutiva de ambos os sexos, mas sua saúde de modo geral.

Para quem deseja melhorar a fertilidade, a alimentação pode, sim, ser uma ótima aliada e não é preciso praticar uma dieta restrita. Ao adotar uma alimentação equilibrada e um estilo de vida mais saudável, seu organismo e cada uma de suas funções começarão a funcionar muito melhor, melhorando sua saúde como um todo e combatendo os problemas relacionados à infertilidade.




Envie uma notícia



Telefone:

+55 11 5524-6931

Fique conectado:

Curta nossa Fanpage:
facebook.com/AditivosIngredientes

© EDITORA INSUMOS LTDA.

Av. Sargento Geraldo Santana,
567 – 1º andar
CEP 04674-225
São Paulo, SP - Brasil

001